31 janeiro 2010

28 janeiro 2010

Fecha-se uma porta e abre-se uma janela!

Já dizia a minha avó: Fecha-se uma porta e abre-se uma janela!

Pois sim! Muitas portas se têm fechado e logo a seguir se abrem outras.
Não tenho porquê reclamar.

Hoje fiquei contente.
Mais uns dias a laborar. Mais uns dias ocupada.
Depois vêm as merecidas férias e quem sabe se não se abre mais uma janela.

Leituras...

Mais um livro que termina.


(C) QUETZAL

Voltas e mais voltas, depois da crueza com que é poeticamente descrita a vida de tantas meninas, que o deixam de ser aquando da iniciação de determinados rituais de iniciação.

Vivemos  num mundinho tão pequenino e tão perfeito, encapsulado numa bolha invisível, repleto de nuvens de algodão, que não olhamos, muito menos vemos, as diferenças atrozes além fronteiras.

Fico carregada de incómodos, de desejos infinitos, de dúvidas que não é possível entender, nem tão pouco anular. Passo a olhar para aquelas vivências de forma ainda mais triste e desolada. Resigno-me e deixo a vida continuar, porque, egoistamente, aquela não é a minha realidade e nada há que possa fazer para mudar o que quer que seja!

26 janeiro 2010

Mais uma...

DECEPÇÃO

22 janeiro 2010

Nas nuvens



Depois de um expulsar de demónios que me assolam, eis que há um encontro imediato de 3º grau (quase como quem diz, bem feita!). Filmes aqui, filmes acolá e eis que nos decidimos por este.

Um belo jantar, rodeado de gente barulhenta mas perfeitamente inexistente à nossa volta. Partilhámo-nos e foi muito bom! Aliás, é sempre bom partilharmo-nos.

Comédia ou não comédia, o facto é que a história, sendo leve, toca em pontinhos muito interessantes. Vale a pena olhar para dentro de nós e perceber de que matéria somos feitos e que conteúdo existe na nossa "mochila". Será que levamos o conteúdo exacto?! Na medida certa?!

On verá...

17 janeiro 2010

Decepção


in http://viajeamacondo.wordpress.com/2008/08/20/mas-alla-de-la-decepcion/


Quando comseguirei eu calçar os sapatos das minhas tentativas?!

14 janeiro 2010

O monstro que me segue

Um dia olhei para trás e pensei  por que raio tudo demora tanto?!
Continuo a caminhar e a olhar para trás e nada de novo vejo no horizonte que me persegue.
Preciso entender esta ansiedade que me consome e me sufoca, me faz pensar, repensar, rir, chorar e desesperar. Até quando terei eu que lidar com estas ansiedades que me corroem até às entranhas, me fazem olhar para o lado e para trás vezes e vezes sem conta.
Insónias e sufocos e mais uma pitada de desespero, eis a fórmula secreta (agora posto a nú) da minha ansiedade elevada ao extremo.
Queria poder parar o meu tempo e fazer com o que o resto continuasse a correr. Deixaria a ansiedade e o nervosismo por terra e seguiria rumo ao mar, consciente da rapidez nas respostas que teimam em tardar.
Mas ao mesmo tempo assola-me o medo. E se a resposta não for a que anseio?
Que monstro me persegue!!!

11 janeiro 2010

Ansiosa...

07 janeiro 2010

Novo ano

Ainda não consegui sentar-me sozinha.
Ainda não me consegui organizar.
Ainda não consegui definir os meus objectivos para este novo ano...

06 janeiro 2010

A entrevista

Depois de um largo momento de espera, de uma série de "brancas" e de umas quantas sms, eis que Liliana de Oliveira. "Sou eu". E segui por um corredor frio e branco, despido de cor e de decoração.

Entrei, sentei e depois de uma troca amena de palavras, começaram as questões e as minhas tentativas de afirmação enquanto técnica e enquanto pessoa.

Um sorriso seguido de uma concordância e eis que surge mais uma questão. Autoridade de gestão ou não, deu-se por terminada a entrevista.

Saí satisfeita e liberta do terror e dos arrepios que sentia desde a noite anterior.
Aguardo por boas novas, aguardo pela caixinha do dia de Reis!

05 janeiro 2010

2010

Para este ano, tenho algumas coisas em mente.
Não fiz o meu balanço antes do início do ano, nem tão pouco no início.
Ainda que tardiamente, o ano tem muitos dias e, nessa óptica, não será tão descabida a minha "planificação".

Pois então, neste ano tenho por conseguir:

- continuar a ser FELIZ com o maridinho;
- ter um filhO;
- abrir um PPR;
- concluir as arrumações/organizar o 2º Dto;
- cuidar a minha ansiedade;
- ir à Escócia e à Irlanda;
- moderar a minha habilidade para entristecer;
- escutar e ouvir cada vez mais e melhor;
- ir ao teatro S. Carlos ver uma qualquer peça;
- ouvir mais música;
- ler mais que em 2009;
- deixar definitivamente o que resta de infantilidade;
- fazer um curso de escrita criativa...

Aceitam-se outras sugestões!
Se alguém as tem, por favor, partilhe-as.